FALE CONOSCO
O GRUPO
IMPRENSA
POLÍTICA DE PRIVACIDADE
   
• • • • VISITE NOSSOS OUTROS SITES | CALDOQUANTICO | CQL | HOLOPRAXIS | FAROL COMUNITÁRIO |• • • • • INÍCIO
Que marcas você quer deixar no planeta? Calcule sua Pegada Ecológica.
HISTÓRICO ARTIGOS PROJETOS EVENTOS PARCERIAS A TEIA  TEMÁTICOS LOJA EQUIPE
ARTIGOS
Sol de Verão
antispam.br
 

Óleo de cozinha na lata

A embalagem mais adequada para o óleo de cozinha, é a lata tradicional. Essa nova moda anti ecológica de embalar o óleo comestível em garrafas PET vai contra todo o bom senso.

Primeiro, o óleo fica exposto à luz solar oxidando mais rápido; segundo, a embalagem é recusada pelos compradores de sucata, ou pagam um valor ínfimo, dez vezes menos que o PET dos refrigerantes.

Motivo: - O óleo contamina do ponto de vista industrial o processo de reaproveitamento, exigindo lavagens sucessivas, antes que o plástico, possa ser reprocessado, ficando mais caro que a matéria prima virgem.

Além do óleo, são recusadas também as embalagens PET de produtos de limpeza e detergentes, nesse caso prefira sempre as embalagens de plástico opaco. Resultado, as embalagens estão sendo jogadas no lixo, desperdiçando matéria prima.

E vale lembrar também que óleo de cozinha não se joga fora depois de usado, pois ele serve de matéria prima para fazer sabão, que por sua vez é muito menos poluente do que o detergente líquido e muito mais econômico.

Mudar os hábitos um pouco por vez colaborando para um meio-ambiente mais saudável é lucro certo para todos nós.

Compre óleo na lata, armazene o óleo usado em um recipiente, descubra quem faz sabão perto da sua casa ou escritório. Pense nisso e aja. Semana que vem tem mais.

Pedro Reis

RESOLUÇÃO 1024 x 768- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - 2000/2009 - CALDO QUÂNTICO LTDA.